ITIL e o ciclo de serviços


Ciclo ITIL

De volta ao mundo das palestras, estive esta semana na unidade 2 das Faculdades Anhanguera para falar de ITIL novamente.

O enredo era basicamente o mesmo que desenvolvi na unidade 3 e, minha percepção, ao final, também foi a mesma que da outra vez: As pessoas estão muito mais propensas a falar de carreira profissional do que de ITIL em si. Por que?

Bom talvez porque começam a se identificar com meu discurso quando falo que ITIL é gerenciar serviços. Afinal, quem somos nós senão prestadores de serviços seja para uma corporação, seja para uma instituição ou seja lá para quem for?

José Augusto Minarelli em Inteligência Mercadológica (editora Gente) descreve muito bem esta habilidade que todo profissional deveria desenvolver e colocar em sua gestão de carreira: Inteligência mercadológica. Uma combinação de inteligência emocional com inteligências múltiplas que ele acabou por definir como uma nova habilidade que deveríamos prestar mais a atenção daqui para frente. Resumidamente é a capacidade de entender as necessidades do mercado, saber se seu produto/serviço atente esta necessidade, comunicar-se para venda/negociação e, por fim prestar o serviço. Ah! Nunca se esquecer de verificar a satisfação do cliente. Gente este ciclo não é parecido com o conceito de serviços do ITIL V3? Vocês conseguem perceber por que começo a palestra falando de um tema e o pessoal divaga para outro?

Okay. O ponto positivo é o seguinte: Se a palestra motiva o pessoal a procurar-me ao fim para falar de sua trajetória profissional é porque reconhecem que precisam resolver alguma coisa em sua vida profissional. É porque se você não resolve algumas coisas em sua vida vão ficando sequelas que podem carregar alguns traumas no seu dia-a-dia. É isto que faz a pessoal entrar numa palestra de cunho técnico e, por fim, começar a refletir sobre sua situação pessoal. Bingo!

Agora, se você gosta de TI, sugiro ler neste mesmo site O Poder das Certificações onde descrevemos a mesma coisa que falamos nas palestras: O profissional precisa ter um diferencial para conseguir abrir a primeira porta de uma entrevista -> Recursos Humanos. E, para quem vai trabalhar com definição de serviços de informática e/ou desenho de processos, recomendo fortemente aprofundar-se no ITIL pois de posse deste conhecimento com certeza vai conseguir alavancar boas oportunidades no mercado de trabalho.

É isso aí! Até a próxima!

Últimos 5 artigos de Anderson Camargo

Sobre Anderson Camargo

De Campinas-SP, bacharel em Análise de Sistemas e pós graduado em Gestão Empresarial (MBA Executivo). Certificado em ITIL, atua como professor do curso de Ciência da Computação na Faculdade Anhanguera Educacional de Campinas.

Deixe uma resposta