Café com TI – Nem tudo é planejado 4


CafeQuando ele deixou o Brasil para estudar inglês no exterior, jamais imaginava que acabaria por gerenciar um negócio de TI em Dallas – EUA.

Acompanhe conosco a história de Diogo, um brasileiro nascido em Manaus, apaixonado por informática, que mostra aos gringos o valor de quem vai à luta.

Anderson – Conta para gente como é que começou esta história? Você tinha algum plano em mente quando deixou o país ou simplesmente as coisas aconteceram?

Diogo – Eu vim pra Inglaterra, pra primeiro aprender inglês (ou melhorar o inglês que eu já sabia). Então me inscrevi num curso de inglês por 2 meses, dos quais eu parei depois do primeiro mês depois de perceber que meu inglês era bom já e não estava aprendendo mais nada naquele curso. Então eu saí para procurar trabalho, consegui um free-lance para desenvolver um web site para uma agência de imóveis, me levou 2 meses, e acabei ganhando por volta de 4000, nada mal para uma página de web.

Anderson – Quer dizer, então, que você não saiu daqui com o objetivo de se graduar em Computação lá fora?

Diogo – Então, na verdade, tudo foi muito facilitado pelo fato de minha família ser de descendência italiana e de eu ter o passaporte italiano, se não fosse isso eu teria que pagar a exorbitante taxa da faculdade que seria mais de 8000 libras por ano, eu estava pagando 1000 libras por ano por ser europeu, enquanto trabalhava num bar. No final do primeiro ano na Inglaterra eu comecei a freqüentar a faculdade para Ciência da Computação (Bsc Computer Science).

Anderson – E quando você foi oficialmente trabalhar em TI em terras inglesas?

Diogo – Depois de 2 anos fazendo faculdade aqui, eu larguei o bar onde trabalhava e achei um emprego em TI, onde comecei como suporte, primeiro nível e acabei depois de 6 meses sendo promovido para gerente do departamento. Faz 2 anos agora que trabalho nessa empresa e estou sendo transferido para Dallas no Texas como contato primário para o desenvolvimento do nosso produto nos Estados Unidos. Vou montar um time para desenvolver, instalar e suportar nossos sistemas.

Anderson – É um senhor desafio. Como você esta encarando esta nova fase? Aventura ou planos?

Diogo – Eu ainda nem me mudei pra  Dallas e já temos 3 clientes de nome, com projetos de 500 mil dólares ou mais em linha, sendo desenvolvidos para serem instalados assim que eu me mudar pra Dallas. Vamos ver que no que da essa história, mas tenho planos e a empresa concorda de me realocar para Nova York em 6 meses, depois que eu tiver estabilizado um time em Dallas.

Anderson – Pelo que conheço de você tenho certeza de que vai dar certo. Gostaria de deixar algum recado para meus leitores e alunos de faculdade aqui em Campinas?

Diogo – Seja curioso, seja corajoso, tome gosto por absorver conhecimento, e o mais importante, tome gosto por compartilhar conhecimento, lembre-se que sempre que você estiver ensinando alguém, você esta na verdade aprimorando aquilo que sabe, não tenha medo de distribuir, não tenha medo de ensinar, muitas pessoas ainda sentem que se tornariam redundantes ao fazer isso, mas na verdade, ensinar, treinar é aprender. O ditado ainda e válido: “Duas cabeças pensam melhor que uma” e assim por diante.

Boa sorte a todos. Espero que se tornem tudo o que quiserem ser.

[ad]

Últimos 5 artigos de Anderson Camargo

Sobre Anderson Camargo

De Campinas-SP, bacharel em Análise de Sistemas e pós graduado em Gestão Empresarial (MBA Executivo). Certificado em ITIL, atua como professor do curso de Ciência da Computação na Faculdade Anhanguera Educacional de Campinas.

Deixe uma resposta

4 pensamentos em “Café com TI – Nem tudo é planejado

  • Juliano Horta

    Essa é a história de uma excelente pessoal, um excelente profissional que eu tive o prazer de conhecer e trabalhar junto. O sucesso dele era mais do que garantido, só faltava uma oportunidade… Infelizmente, para muitos brsileiros a oportunidade aparece fora do pais e dessa forma, nosso país vai perdendo potenciais e grandes mentes… Que nós brasileiros somos especiais, eu não tenho dúvida…

    Parabens meu grande amigo.

  • Airton Maranho

    Ao ler a materia foi como voltar 4 anos no tempo e relembrar que um dos principais objetivos para a minha carreira profissional era ter uma experiencia internacional. Um belo dia a oportunidade (convite) apareceu e em menos de tres meses mudei de um continente para o outro (Europa) . Nada facil, nada simples, muitas dificuldades (idioma, cultura, resistencia ….), conflitos (será que tomei a decisao certa??)… e por ai vai..

    Depois de um tempo que ja estava trabalhando por aqui, durante uma conversa com o meu mentor em uma de suas visitas por essas bandas, pessoa fantastica que por mais de vinte anos trabalhou na Europa e com um grande orgulho de ser Brasileiro, isso mesmo pessoal, Brasileiro!!! me disse "Eh isso ai Airton, mostra para este pessoal aqui o que nos Brasileiros somos capazes de fazer." " .. Eu tinha como objetivo que somente voltaria para o Brasil se fosse para ser Presidente da empresa". Pois acreditem, Ele voltou…

    Esta breve introducao sobre o que aconteceu comigo eh somente para relacionar com algumas frases que selecionei desta materia e de outras deste topico "carreira" que achei excelente para reflexao no dia a dia e que acredito serem importantes para todos nos:.

    Nem tudo eh Planejado

    Diogo .."que mostra aos gringos o valor de quem vai à luta".

    Diogo .. "Seja curioso, seja corajoso, tome gosto por absorver conhecimento, e o mais importante, tome gosto por compartilhar conhecimento, lembre-se que sempre que você estiver ensinando alguém, você esta na verdade aprimorando aquilo que sabe".

    Fui escolhido e agora

    "Mas, lembre-se, nunca é tarde para se movimentar

    O Sucesso Construido a noite (Eduardo Goncalves)

    "Não compare à maioria, pois infelizmente ela não é modelo de sucesso .. A realização de um sonho depende de dedicação .. A ilusão não tira ninguém de onde está.. Quem quer fazer alguma coisa, encontra um meio. Quem não quer fazer nada, encontra uma desculpa".

    Cadeira do seu claudio

    "não destrua seus princípios pessoais caso decida por chegar lá, pois um dia você pode se arrepender"

    Muita sorte para voce Diogo!!!. Parabens a todos pelo excelente conteudo dos textos deste blog!!

  • sheilinha

    Bacana este depoimento. De estrangeiro estudante de inglês a gerente de departamento em empresa de software. É mesmo um mundo de oportunidades! Parabéns, Diogo! Muito boa sorte em seu novo desafio nos EUA.